DESTAQUE:
print this page
Última Postagem:

Manifestantes enfrentam PM ao invadir Brasília e as ruas de todo o país pedindo a saída de Temer e a convocação de novas eleições

A noite desta quinta-feira (18/05) foi marcada por grandes manifestações em várias cidades do país. Atendendo ao chamado das frentes Povo Sem Medo e Brasil Popular e de diversas organizações sociais, o povo brasileiro foi às ruas pedir a imediata saída de Michel Temer da Presidência da República e também a convocação de novas eleições diretas.
Em todos os cantos do Brasil, trabalhadores de várias categorias, estudantes, militantes de movimentos de negras e negros, LGBTs, feministas, indígenas, trabalhadores ruais, militantes da luta por moradia e tantos outros setores organizados demonstraram que não aceitarão que um presidente ilegítimo, afundado em uma série de denúncias nas delações da operação Lava Jato, siga no comando do Palácio do Planalto tentando aprovar reformas que ameaçam direitos e colocam em risco o futuro de milhares de pessoas.
Ao longo do dia, com a repercussão das gravações apresentadas na noite da quarta-feira (17) pelo empresário Joesley Batista, da JBS, controladora da Friboi, apontando que Temer comprou o silêncio do ex-presidente da Câmara e deputado cassado, Eduardo Cunha, a convocação dos atos pelo #ForaTemer ganhou força e repercussão nas redes sociais, garantindo grandes e belas manifestações nas principais capitais.
Além de Brasília, houveram manifestações em São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Belém, Vitória, Salvador, Recife, Porto Alegre, Florianópolis, Fortaleza e tantas outras encerraram a quinta-feira pedindo o impeachment do presidente ilegítimo e a queda de aliados, como o presidente do PSDB, senador Aécio Neves, e todo o primeiro escalão do governo envolvido no esquema de corrupção.
Com medo do povo, Temer convoca Forças Armadas para repressão
Temer publicou um decreto convocando as Forças Armadas para atuar no ato “Ocupa Brasília”. Em termos técnicos, o presidente apelou para a Garantia da Lei e da Ordem – convocadas exclusivamente pela Presidência da República em casos em que há “esgotamento” das forças de segurança, ou seja, em “graves perturbações da ordem”. A medida foi duramente criticada até por aliados de primeira ordem do governo como o deputado Rodrigo Maia que achou exagerada a atitude de Temer.
Histórico
"Essa não é a primeira vez que o governo golpista é criticado pelo uso abusivo das Forças Armadas. Em 2016, Temer baixou um decreto que devolveu as funções administrativas ao Exército, Marinha e Aeronáutica, derrubando decisão anterior da presidenta eleita Dilma Rousseff. Em janeiro desse ano, o governo golpista também autorizou as Forças Armadas a atuarem nos presídios para fazer inspeções rotineiras."  afirmam os partidos de oposição e Lideranças, intelectuais, parlamentares e manifestantes que criticam a medida por ser inconstitucional e por extrapolar as prerrogativas das forças de segurança e um desvirtuamento de suas atividades.
Fonte: Assessoria das Frentes, partidos e movimentos sociais.
Edição de Texto: Aguinaldo Silva
Fotos: Internet

Deputados da opositores ocupam Câmara pedindo renúncia de Temer enquanto o povo invade ministério e enfrenta a polícia nas ruas

Deputados da oposição ao presidente Michel Temer (PMDB) paralisaram a sessão na Câmara em protesto na tarde desta quarta-feira. Com gritos e cartazes com palavras de ordem contrárias ao governo, os parlamentares ocuparam a mesa e impediram que a sessão tivesse continuidade. Em coro, eles gritam e pedem a saída do presidente da República e eleições diretas. A sessão foi suspensa provisoriamente pelo deputado deputado André Fufuca (PP-MA), que presidia os trabalhos.
A oposição pediu o encerramento da segunda sessão extraordinária desta quarta-feira por conta do tumulto que tomou conta da Esplanada dos Ministérios, onde há enfrentamento entre manifestantes do movimento #ocupabrasília e policiais militares do Distrito Federal.
Em resposta, Manato disse que o regimento interno prevê como caso de suspensão dos trabalhos apenas tumulto grave dentro do Plenário. “Vou seguir o regimento da Casa. O regimento fala em tumulto grave, mas aqui dentro. Não estou vendo tumulto, não estou vendo briga. A sessão vai continuar”, respondeu Manato.
Após suspensão dos trabalhos por cerca de 10 minutos, o presidente da Casa, Rodrigo Maia (DEM-RJ), retornou e os trabalhos foram retomados. O deputado Glauber Braga (PSOL-RJ) exigiu a instalação da comissão de impeachment. Ele também citou os protestos que ocorrem do lado de fora da Casa.
O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), deu início à Ordem do Dia no plenário por volta das 13h. Em pauta está o projeto de lei 54/15 e sete medidas provisórias que podem expirar nos próximos dias.
A oposição não registrou presença eletrônica no plenário, apresentou obstrução e tentou atrasar as discussões. O deputado Pompeo de Mattos (PDT-RS) disse que não acha normal abrir a Ordem do Dia no início da tarde e argumentou que este é um “jogo” da base para evitar o debate sobre a proposta de Emenda à Constituição (PEC) que pede a convocação das eleições diretas, em caso de vacância da Presidência da República.
PEC está em debate na CCJ, mas tem a apreciação tem sido adiada seguidamente. Quando a confusão começou, os deputados discutiam um requerimento que visa retirar o projeto da pauta.
Fonte: Em.com.br
Edição de Texto: Aguinaldo Silva

Fotos: Internet

TCE-PB rejeita contas de Lucas Santino e lhe imputa multa de R$ 76.597,41 por disponibilidade financeira não comprovada

Ex-presidente  da Câmera  de Cabedelo não recolheu as contribuições previdenciárias da Câmaras Municipais ao IPSEMC
O Tribunal de Contas da Paraíba, em sessão realizada na última quarta-feira 24/05, reprovou  as contas da Câmara de Cabedelo, da gestão do ex-vereador Lucas Santino, referente ao exercício financeiro de 2014. A gestão do ex- vereador a frente do parlamento cabedelense é investigada por uma CPI aberta na Câmara.
A Corte impôs ao ex-presidente multa de R$ 76.597,41 por disponibilidade financeira não comprovada, na conformidade do que propôs o relator Antonio Gomes Vieira Filho. No entendimento do relator, chancelado pelo plenário do TCE, o ex-vereador Lucas Santino da Silva - PMDB, não recolheu as contribuições previdenciárias o que acarretou a desaprovação das contas de sua gestão de 2014 e foi multado. Cabem recursos a decisão do tribunal.
A sessão desta quarta-feira teve as participações dos conselheiros Fábio Nogueira, Nominando Diniz, Fernando Catão e Arthur Cunha Lima. Também, dos conselheiros substitutos Antonio Gomes Vieira Filho, Antonio Cláudio Silva Santos, Oscar Mamede e Renato Sérgio Santiago Melo. O Ministério Público esteve representado pela procuradora geral Sheyla Barreto Braga de Queiroz.
Texto: Aguinaldo Silva
Fonte: Ascom/TCE-PB
Foto: Internet

Câmara de Cabedelo cria CPI para apurar irregularidades da Mesa Diretora na gestão passada e Depoimentos complicam Lucas Santino que promete ‘chutar o pau da barraca’





Atendendo requerimento assinado por todos os vereadores desta legislatura, a Câmara Municipal de Cabedelo instituiu uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) destinada a apurar irregularidades da Mesa Diretora na gestão passada.
Sem maiores divulgação e desacreditada por alguns cidadãos cabedelenses, a mesma foi instalada na primeira quinzena de abril sem a participação da população que, mal informada, não tem acompanhado as audiências que são públicas e abertas à participação da sociedade.
Mesmo assim, a CPI já convocou algumas pessoas visando esclarecer alguns fatos apontados pelo TCE-PB e, reunida na manhã desta quarta-feira 19/04, os membros da comissão fizeram as oitivas do ex-prefeito da cidade e ex-presidente da Câmara no biênio 2007-2008, José Maria de Lucena Filho, e da Secretária Legislativa da Casa no mesmo período, Radialista Leila Maria Viana do Amaral.
Presidida pelo vereador Antonio do Vale, a CPI tem como relator o vereador Júnior Datele que quis saber dos depoentes sobre as portarias de nomeação em cargo efetivo na Câmara Municipal durante sua gestão na presidência daquela casa legislativa. Principalmente, a de número 137/2008, para esclarecimentos relativos à quem de fato foi aprovado em concurso público e a veracidade destes atos nomeantes.
De acordo com os depoimentos dos depoentes colhidos até o momento, há fortes indícios de fraude na portaria de efetivação de um servidor daquele poder, promovido na gestão de Lucas Santino, para que o mesmo pudesse contrair empréstimos fraudulentos junto a instituição bancária da cidade.
Luceninha não reconheceu como verdadeiro o ato de nomeação do citado servidor, acrescentando que o mesmo não fora efetivado em sua gestão enquanto presidente daquele poder e responsável pelo único concurso que efetivou servidores na casa.
De acordo com o apurado no dia de hoje pela CPI, são falsas e fraudulentas as informações de vínculo efetivo do suposto servidor da Câmara Municipal e, segundo membros da CPI, as supostas fraudes, podem ter sido realizadas na gestão de Lucas Santino. O que compromete a gestão de toda a mesa diretora e demais vereadores da legislatura passada. O ex-presidente Lucas Santino, será convocado e ouvido para esclarecimento dos fatos e, segundo seus assessores, o mesmo promete “chutar o pau da barraca” e denunciar alguns políticos e lideranças locais que podem estar envolvidos nas supostas irregularidades apresentadas.
Texto e Edição: Aguinaldo Silva

Veja abaixo os áudios dos depoimentos de Luceninha e Leila Viana na CPI da Câmara.

Lava Jato: Planilhas entregues por delatores mostram datas dos repasses feitos a Cássio

A imprensa teve acesso nesta terça-feira (18), a detalhes da petição elaborada pela Procuradoria-Geral da República para justificar o pedido de instauração de inquérito para investigar o senador Cássio Cunha Lima (PSDB-PB), acusado de ter recebido R$ 800 mil da construtora Odebrecht durante a campanha eleitoral de 2014, por meio de caixa 2. A instauração do inquérito foi solicitada pelo procurador Rodrigo Janot com base nas delações do ex-executivos da Odebrecht, Alexandre José Lopes Barradas e Fernando Luiz Ayres da Cunha Santos Reis.
“De acordo com estes colaboradores, em meados de 2014, entre os meses de março e setembro, na cidade de Brasília (DF), o Senador Cássio Cunha Lima solicitou R$ 800.000,00 (oitocentos mil reais) da Odebrecht Ambiental, via intermediário de suposto nome ‘Luís’, ainda não completamente identificado. O pedido foi autorizado pelos executivos daquela empresa”, argumenta Janot.
“Alexandre Barradas, com prévia autorização de Fernando Reis, afirma ter negociado e pago o valor de R$ 800.000,00 (oitocentos mil reais) ao Senador e então candidato ao governo do Estado da Paraíba Cássio Cunha Lima, esperando futura contrapartida em obra de saneamento a ser realizada naquele Estado”, acrescenta o procurador-geral da República.
Na petição, Rodrigo Janot sustenta que ficou comprovado, através de planilhas entregues pelos delatores, que o senador Cássio Cunha Lima recebeu os R$ 800 mil em duas parcelas de R$ 400 mil, sendo a primeira entregue no dia 22 de maio de 2014 e a segunda no dia 04 de setembro do mesmo ano.
“Afirma ainda Fernando Reis que, para a realização do pagamento, pediu a Eduardo Barbosa, pessoa de sua confiança e que desconhecia o beneficiário e a motivação do pagamento, que o ajudasse a atender ao pleito de Alexandre Barradas. Por fim, registra ainda que, para esse pagamento, foram adotados os codinomes de ‘Trovador’ (R$ 400 mil) e ‘Prosador’ (R$ 400 mil), ocorrendo a entrega dos valores a um preposto do senador, cuja identidade o colaborador desconhece, em um hotel em Brasília”, enfatiza o procurador, que arremata: “as planilhas constantes dos Anexos 6A e 6B (TC n2 6 de Alexandre Barradas),2 retiradas do Sistema “Drousys” de pagamento de propina da Odebrecht, demonstram a veracidade das declarações do colaborador”.
Fonte: paraibaja.com.br

Veja abaixo planilhas entregue pelos delatores comprovando o primeiro repasse a Cássio


Aguinaldo Silva volta atualizar semanalmente o Blog Renascer em Noticia

A partir desta data estaremos atualizando o Blog Renascer em Noticia para acompanharmos os fatos apurados pela CPI que apura irregularidade da Mesa da Câmara Municipal de Cabedelo na gestão passada e os acontecimentos políticos cotidiano da cidade portuária paraibana.

“Estamos de volta. Estamos na área, com a mesma coragem e determinação de antes” afirma Aguinaldo Silva, acrescentando que “Cabedelo não pode ficar sem um veículo isento e sem as amarras do poder publico que informe a população o outro lado dos fatos. A cidade precisa ter o contraponto. Alguém com coragem e livre para que não seja repassada a população apenas a versão oficial dos fatos. Este blog sempre serviu e continuará servindo para isso” disse.

Confira o resultado da eleição para vereador em 2016 na cidade de Cabedelo – PB

Conheça os 15 vereadores eleitos em Cabedelo e a votação de todos os candidatos que disputaram a eleição para vereador na cidade.


Jacqueline 44000
ELEITO
6.45%
2,255 VOTOS
Rey 45567
Rey 45567
PSDB
ELEITO
3.97%
1,388 VOTOS
Antonio do Vale 44007
ELEITO
3.15%
1,101 VOTOS
Rogério Santiago 44777
ELEITO
2.90%
1,015 VOTOS
Tercinho 17613
ELEITO
2.72%
950 VOTOS
Josué Goes 45456
ELEITO
2.69%
939 VOTOS
Junior Datele 51000
ELEITO
2.54%
890 VOTOS
Galan 44678
ELEITO
2.42%
848 VOTOS
Vitor Hugo 10000
ELEITO
2.38%
834 VOTOS
10°
Moacir Dantas 11111
ELEITO
2.24%
782 VOTOS
11°
Bel Ou Belmiro 44044
ELEITO
1.85%
648 VOTOS
12°
Lucio 44606
ELEITO
1.79%
626 VOTOS
13°
Eudes 14000
ELEITO
1.72%
600 VOTOS
14°
Professora Geusa 44600
ELEITO
1.68%
587 VOTOS
15°
Fabiana Regis 12133
ELEITO
1.15%
401 VOTOS
16°
Marcio Bezerra 45678
2.44%
854 VOTOS
17°
Benone 44369
1.62%
567 VOTOS
18°
Pereira 45111
1.53%
536 VOTOS
19°
Josimar Cabelereiro 44033
1.46%
509 VOTOS
20°
Graça Rezende 15123
1.35%
473 VOTOS
21°
Valdi Tartaruga 44258
1.31%
457 VOTOS
22°
Evilásio Cavalcanti 15000
1.30%
454 VOTOS
23°
Herlon Cabral 44555
1.26%
441 VOTOS
24°
Enrique de Noga 15369
1.24%
435 VOTOS
25°
Inaldo 44144
1.24%
433 VOTOS
26°
Divino do Social 44456
1.22%
426 VOTOS
27°
Socorro de Jacaré 44123
1.20%
421 VOTOS
28°
Beninha 25655
1.17%
408 VOTOS
29°
Janderson Brito 45645
1.14%
399 VOTOS
30°
Betinho Miranda 40000
1.14%
398 VOTOS
31°
Piu-Piu 44111
1.12%
390 VOTOS
32°
Ivanio da Miramar 44999
1.08%
379 VOTOS
33°
Dr. Andre Lima 12333
1.08%
376 VOTOS
34°
Douglas Bernardo 15015
1.03%
359 VOTOS
35°
Júnior Paulo 15777
1.02%
358 VOTOS
36°
Professor Luizinho 44789
1.00%
350 VOTOS
37°
Pastor Marcos 44223
0.96%
334 VOTOS
38°
Kayo Lopes 44100
0.95%
333 VOTOS
39°
Edson da Ótica 44567
0.94%
329 VOTOS
40°
Wesley Brito 40123
0.91%
318 VOTOS
41°
Jonas Pequeno 45005
0.88%
309 VOTOS
42°
Chico 44333
0.77%
271 VOTOS
43°
Finho Albuquerque 25234
0.77%
268 VOTOS
44°
Clecy Alves 44321
0.76%
265 VOTOS
45°
Seu Lídio 45000
0.75%
264 VOTOS
46°
Dany Campelo 44222
0.71%
247 VOTOS
47°
Vina 44400
0.66%
231 VOTOS
48°
Igo Viana 45450
0.61%
212 VOTOS
49°
Comandante Luna 15666
0.60%
210 VOTOS
50°
Elvis 17123
0.59%
205 VOTOS
51°
Paulo Bombeiro 45193
0.57%
201 VOTOS
52°
Neto Cavalcanti 45522
0.53%
187 VOTOS
53°
Binha 12123
0.49%
171 VOTOS
54°
Dra. Lívia 20123
0.48%
168 VOTOS
55°
Sorriso 45100
0.47%
165 VOTOS
56°
Morgana Macena 44332
0.45%
159 VOTOS
57°
Janine 13000
0.43%
152 VOTOS
58°
Leandro Cunha (Léo) 25555
0.43%
152 VOTOS
59°
Regis do Tempero 12345
0.43%
151 VOTOS
60°
Junior Taboza 45133
0.43%
150 VOTOS
61°
Caquinha 44225
0.42%
147 VOTOS
62°
Cadete 20777
0.41%
143 VOTOS
63°
Marcelino Ferreira 40789
0.41%
142 VOTOS
64°
José Carlos 10123
0.35%
124 VOTOS
65°
Reporter Calixto 12111
0.35%
121 VOTOS
66°
Elisete Pimentel 44238
0.31%
109 VOTOS
67°
Neném 12132
0.30%
106 VOTOS
68°
Edmundo da Galinha 25100
0.30%
104 VOTOS
69°
Célia 45888
0.27%
94 VOTOS
70°
Pierre Batista 25025
0.27%
93 VOTOS
71°
Pepo Botafogo 40040
0.26%
91 VOTOS
72°
Marivaldo 25678
0.25%
88 VOTOS
73°
Edmir Dornelas 12300
0.24%
84 VOTOS
74°
Cláudio Lucena 40140
0.24%
83 VOTOS
75°
Quintans 40147
0.23%
80 VOTOS
76°
Antôno Ferreira 15333
0.23%
80 VOTOS
77°
Patricio 12200
0.22%
78 VOTOS
78°
Profª Leda 12344
0.22%
77 VOTOS
79°
Junior Nery 12800
0.21%
75 VOTOS
80°
Teco de Coelhinho 45789
0.21%
75 VOTOS
81°
Flaudemes Macêdo 12222
0.21%
74 VOTOS
82°
Almir Figueiredo 44120
0.21%
74 VOTOS
83°
Miguel Dantas 28001
0.21%
73 VOTOS
84°
Roberto Lima 45145
0.19%
68 VOTOS
85°
Branquinho 15999
0.19%
66 VOTOS
86°
Joelma da Casa Mãe Nazinha 12888
0.19%
65 VOTOS
87°
Sargento Marcelo 15190
0.17%
61 VOTOS
88°
Catarina Barbosa 25333
0.15%
53 VOTOS
89°
Dr. Gilmar 15222
0.14%
50 VOTOS
90°
Manoel Norberto 12030
0.14%
49 VOTOS
91°
Adilson Dengue 12777
0.13%
46 VOTOS
92°
Marcos Brandão 40555
0.13%
45 VOTOS
93°
Neno 12612
0.13%
44 VOTOS
94°
Paulo Lins 36123
0.13%
44 VOTOS
95°
Erika Enfermeira 12120
0.13%
44 VOTOS
96°
Franci 44440
0.12%
43 VOTOS
97°
Rômulo Abreu 33333
0.12%
42 VOTOS
98°
Ivo Oliveira 15444
0.11%
40 VOTOS
99°
Mikelângelo 12100
0.11%
39 VOTOS
100°
Fabiana 13669
0.11%
39 VOTOS
101°
Eduardo Paulista 12321
0.10%
35 VOTOS
102°
Ribeiro 25222
0.10%
34 VOTOS
103°
Terezinha Farias 15555
0.09%
31 VOTOS
104°
Hermana Sabino 45455
0.09%
31 VOTOS
105°
Matheus França 40456
0.09%
31 VOTOS
106°
Patrícia Anselmo 45222
0.08%
29 VOTOS
SEÇÕES: 134 de 134 VOTOS BRANCOS: 1,180 VOTOS NULOS: 1,412

Gostou do que leu? Comente. Compartilhe. Divulgue

RENASCER EM NOTÍCIA

Minha foto

AGUINALDO SILVA - Radialista Profissional - 2.913 DRT-PB, 46 anos, servidor publico, natural de Mulungú-PB, radicado em Cabedelo-PB desde 1988, divorciado, pai de um casal de filho, produtor e ativista cultural, socialista por convicção, militante social, cultural e político em Cabedelo,  blogueiro, escreve no site www.cabedelonarede.com.br e no blog www.renasceremnoticia.blogspot.com
Ama os seres humanos e detesta a desigualdade social. "Se voce é capáz de se indignar com o sofrimento de seu semelhante, somos amigos" Frase de Che Guevara que tem como moldura em sua vida.
Atualmente trabalha na Casa da Cidadania de Cabedelo e busca ativar o movimento cultural do Renascer e interligar em rede, o terceiro setor de Cabedelo.
 
Site: Cabedelo Na Rede : Click aqui Copyright © 2011. Renascer em Notícia - Editado por Rhicardho
Proudly powered by Blogger