Segundo o sagres Cabedelo pagou R$ 77.980,89 no mês de dezembro e R$ 561.042,99 para manter cada vereador em 2013

Segundo informações colhidas no Sagres do Tribunal de Contas da Paraíba (TCE-PB), as despesas da Câmara Municipal de Cabedelo durante o exercício financeiro de 2013, foram na ordem de R$ 8.415.644,99. Desse montante, 5.926.562,98 (70%) foram gastos somente com a folha de pessoal.
Ainda de acordo com as informações do sagres, a câmara cabedelense tem 119 servidores assim distribuídos: 15 eletivos (vereadores), 2 inativos/pensionistas, 20 efetivos e 82 cargos comissionados. Em janeiro 2013, os gastos com a folha dos 119 servidores somaram R$ 459.066,97. Em dezembro 2013, com o décimo terceiro e outras vantagens, esse valor subiu para R$ 798.000,87 um aumento de 73,9%.
De acordo com as informações registradas no TCE-PB, em janeiro de 2013, os inativos/pensionistas da câmara (2) receberam R$ 385,17. Já em dezembro esse valor subiu para R$ 770,34. Os efetivos eram 23 em janeiro e receberam juntos R$ 48.981,80. Já em dezembro aparecem apenas 20 efetivos registrados e a eles são pagos R$ 87.097,20. Apenas 14 vereadores aparecem na folha de janeiro enviada ao tribunal, a vereadora Jacqueline não consta na relação, os 14 representantes receberam juntos R$ 116.000,00. Em dezembro, foram pagos aos 15 parlamentares R$ 124.000,00 apenas. Não encontramos os valores pagos com o décimo dos edis.
Em compensação, os cargos comissionados de janeiro eram 80 e fizeram jus a R$ 293.700,00. Em dezembro, os comissionados já eram 82 e a folha dessa categoria subiu para R$ 586.133,33 um aumento de quase 100%. Se dividirmos os gastos com a folha de dezembro pelos 15 vereadores da casa, podemos afirmar que pagamos R$ 53.200,05 para manter os serviços de cada um deles.
Segundo o Regimento Interno da câmara municipal da cidade portuária paraibana, Resolução N° 158/2006, o período legislativo ordinário da casa está assim compreendidos: de 20 de fevereiro a 20 de junho e de 20 de julho a 20 de dezembro, independente de convocação. As sessões legislativas acontecem duas vezes por semana, nas noites de terças e quintas-feiras.
Durante o ano de 2013, a Câmara consumiu somente com a folha de pagamento dos servidores da casa, a bagatela de R$ 5.926.562,98. Se dividirmos esse montante pelos 15 representantes do povo da cidade portuária paraibana, chegaremos a um valor de R$ 395.104,19 proporcionalmente pagos para manter somente a folha de pagamento.
A soma de todas as despesas pagas no mês de dezembro pelo legislativo cabedelense foi de R$ 1.169.713,42 – divididos pelos 15 representantes chegaremos a um valor de 77.980,89. E se somarmos todos os gastos durante o exercício de 2013 que segundo o sagre, foram da ordem de 8.415.644,99, veremos que o contribuinte pagou a bagatela de 561.042,99 por cada representante do legislativo, durante o ano 2013.
Na próxima matéria vamos disponibilizar a lista de servidores da casa e suas respectivas funções. CLIQUE AQUI  e veja as despesas detalhadas mês a mês no exercício de 2013 e a relação dos cargos comissionados do parlamento cabedelense, segundo os registros do Sagres do TCE-PB:
Texto: Aguinaldo Silva
Fonte: Sagres do TCE-PB
Compartilhe este artigo :

Gostou do que leu? Comente. Compartilhe. Divulgue

RENASCER EM NOTÍCIA

Minha foto

AGUINALDO SILVA - Radialista Profissional - 2.913 DRT-PB, 46 anos, servidor publico, natural de Mulungú-PB, radicado em Cabedelo-PB desde 1988, divorciado, pai de um casal de filho, produtor e ativista cultural, socialista por convicção, militante social, cultural e político em Cabedelo,  blogueiro, escreve no site www.cabedelonarede.com.br e no blog www.renasceremnoticia.blogspot.com
Ama os seres humanos e detesta a desigualdade social. "Se voce é capáz de se indignar com o sofrimento de seu semelhante, somos amigos" Frase de Che Guevara que tem como moldura em sua vida.
Atualmente trabalha na Casa da Cidadania de Cabedelo e busca ativar o movimento cultural do Renascer e interligar em rede, o terceiro setor de Cabedelo.
 
Site: Cabedelo Na Rede : Click aqui Copyright © 2011. Renascer em Notícia - Editado por Rhicardho
Proudly powered by Blogger