Fotos de Carolina Dieckman ainda estão nas buscas do Google e atriz entra com ação para que as mesmas sejam excluídas.


O advogado Antônio Carlos de Almeida Castro, o Kakay, deu entrada em uma ação civil inibitória contra o site de buscas Google para exigir que a empresa retire do ar a ferramenta que permite a localização dos sites que estão divulgando as fotos da atriz Carolina Dieckman nua, que foram furtadas de seu computador.
Segundo Kakay, o Google tem condições de excluir do seu serviço de buscas o nome de Carolina no tocante às páginas em que a atriz aparece nua, mas não o faz, segundo ele, "por falta de boa vontade".
O advogado havia informado que pensava na possibilidade de processar o site. Um dia antes, Kakay chegou a informar que não entraria com ação inibitória na Justiça, mas mudou de opinião depois de saber da nota oficial divulgada pelo Google, informando que o site não interfere nos resultados de busca e, para que um conteúdo não seja localizado, é necessário entrar em contato com o site que hospeda esse conteúdo e solicitar sua remoção. Segundo Kakay, o Google não pode se isentar de responsabilidade:
— Nós tínhamos desistido de processar o Google. Pensamos que eles iam tirar do ar os sites com as fotos, mas mudamos de idéia depois da divulgação da nota. O Google não pode se dizer completamente imune de responsabilidade por ser apenas o propagador. Afinal, ele pode não ter botado as fotos no ar, mas está divulgando e propalando um ato criminoso — disse Kakay, nesta quarta-feira.
O Google Brasil informou por meio de nota, na quarta-feira, que não exerce nenhum tipo de interferência em seus resultados de buscas. Também pela manhã, Kakay chegou a informar que técnicos do seu escritório constataram que o site havia retirado do ar as fotos em que ela aparece nua. "O Google vem a público esclarecer que não interfere em seus resultados de busca. O mecanismo de busca do Google é um indexador, ou seja, uma ferramenta que procura conteúdos disponíveis na internet. Para que um conteúdo não apareça na busca do Google, é necessário entrar em contato com o site que hospeda esse conteúdo e solicitar sua remoção", diz a nota enviada pelo Google ao site G1.
Compartilhe este artigo :

Gostou do que leu? Comente. Compartilhe. Divulgue

RENASCER EM NOTÍCIA

Minha foto

AGUINALDO SILVA - Radialista Profissional - 2.913 DRT-PB, 46 anos, servidor publico, natural de Mulungú-PB, radicado em Cabedelo-PB desde 1988, divorciado, pai de um casal de filho, produtor e ativista cultural, socialista por convicção, militante social, cultural e político em Cabedelo,  blogueiro, escreve no site www.cabedelonarede.com.br e no blog www.renasceremnoticia.blogspot.com
Ama os seres humanos e detesta a desigualdade social. "Se voce é capáz de se indignar com o sofrimento de seu semelhante, somos amigos" Frase de Che Guevara que tem como moldura em sua vida.
Atualmente trabalha na Casa da Cidadania de Cabedelo e busca ativar o movimento cultural do Renascer e interligar em rede, o terceiro setor de Cabedelo.
 
Site: Cabedelo Na Rede : Click aqui Copyright © 2011. Renascer em Notícia - Editado por Rhicardho
Proudly powered by Blogger