CANDIDATURA DA TERRA - Alguns dos principais Jornais da Paraíba deste domingo 30/10, circularam com uma entrevista do pré-candidato do PSC em Cabedelo, Engenheiro Quintans.


“Prestigiar a reno­vação política, ide­al para a revolução que precisa aconte­cer em Cabedelo”.
O empresário e engenheiro Quintans é um dos pré-candida­tos a prefeito de Cabedelo, indi­cado pelo suplente de senador, Marcondes Gadelha. A primeira ação de sua pré-candidatura foi instalar uma sede fixa do seu par­tido, o PSC, na cidade portuária. De acordo com Gadelha, a can­didatura de Quintans tem o in­tuito de “prestigiar a renovação política, ideal para a revolução que precisa acontecer em Cabe­delo”. Para Quintans, a popu­lação de Cabedelo precisa estar informada sobre as propostas dos candidatos para que a ci­dade saia da “pobreza e da falta de infraestrutura em que se encon­tra há mais de 20 anos de má administração política”.
Leia abaixo a íntegra da entrevista do Pré-candidato publicada nos jornais Correio da Paraíba e Jornal da Paraíba deste domingo 30/10/11.

QUAL A PROPOSTA DO PSC PARA CABEDELO?
R. O Partido Social Cristão nasce para ser um partido diferente. O ob­jetivo é inserir Cabedelo no patamar das grandes cidades brasileiras com excelente qualidade de vida. E fazer isso significa ter bons índices educa­cionais, culturais, de saúde e de segurança. Qual o pai que não quer seus filhos numa boa escola? Quem não quer andar e caminhar livre­mente pelas ruas? Quem não quer oportunidade de trabalho? Temos to­dos os ingredientes e recursos para fazer isso. A cidade já não precisa de projetos megalomaníacos de interesse duvidoso. Cabedelo precisa deixar de ser uma cidade rica com um povo po­bre.

QUE TIPO DE DIFERENCIAL O PSC VAI APRESENTAR PARA SUPERAR OS PARTIDOS EM CABEDELO?
R. Como o próprio lema do partido fala, colocaremos sempre o ser hu­mano em primeiro lugar. Estabe­leceremos este propósito a partir de um partido bem estruturado, com propostas inteligentes, práticas e fun­cionais, além de seriedade e ética. Nós ouviremos todos. Os grandes planos de gestão nascem com a participação de todos. Esse é o nosso diferencial.

POR QUE O PSC É UM DOS POU­COS PARTIDOS QUE TEM SEDE EM CABEDELO? QUAL A IMPORTÂN­CIA DISSO?
R. Isso mostra a nossa organização, o compromisso e a preocupação com a cidade e o cidadão. O PSC não veio apenas para existir no período elei­toral. É uma atitude concreta de um grupo de cabedelenses verdadeiros, nascidos aqui ou que adotaram esta cidade, como eu fiz há mais de 30 anos. É preciso afirmar que Cabe­delo tem o seu lugar na economia da Paraíba e não precisa e nem pode mais viver apenas a mercê daqueles que só fazem se servir e nunca servi­ram ao seu povo.

COMO FOI A RECEPTIVIDADE DA POPULAÇÃO DE CABEDELO ÀS PROPOSTAS DO PARTIDO?
R. Extraordinária. Muito melhor do que esperávamos. Houve uma sin­tonia das nossas propostas com o desejo do povo de Cabedelo pela mu­dança. Quem achar que irá ganhar uma eleição apenas com propostas sem objetividade, com promessas e factoides políticos, está enganado. A sociedade está mais madura, consciente e observadora. Nos con­tatos diretos com a população, temos percebido que há uma crescente von­tade de mudança de atitude na escol­ha dos seus representantes. O povo consegue discernir o que é lorota e conversa fiada de propostas concre­tas. Essa percepção nos dá forças e fortalece nossa luta.

COMO VOCÊ AVALIA ESSA COR­RIDA PELA PREFEITURA DE CABE­DELO?
R. Parece até uma caça ao tesouro, cheio de pré-candidatos oportunis­tas, que nunca se preocuparam com a cidade e hoje se portam como sal­vadores da pátria. Temos pré-can­didaturas impostas, desde políticos que já tiveram oportunidade de fazer algo pela cidade em seus diversos mandatos municipais, passando por outros que foram por várias vezes chefes do Poder Legislativo Municipal e que nada fizeram pelo município. É preocupante observar candidatos se aproveitarem de oportunidades de trampolim político. Querem ficar na Prefeitura por dois anos e depois buscar mandatos federais, deixando o povo a ver navios. Por isso, como empresário, investidor e cidadão, eu e um grupo de cabedelenses nos colo­camos à disposição do partido para mostrar à sociedade que nossa cidade tem jeito. Basta que alguém pense verdadeiramente nela e não em interesses próprios.

COMO FOI O CONVITE DE MAR­CONDES GADELHA PARA SER CAN­DIDATO A PREFEITO DE CABEDE­LO PELO PSC?
Marcondes Gadelha dispensa apre­sentações. Um dos líderes políticos mais importantes que o Estado produziu e com uma folha de bons serviços prestados, que a história registra. De modo que eu fico honrado em ser convidado para participar de um projeto político para mudar Cabedelo. No entanto, Mar­condes sabe, e nós também, que o nosso maior aliado é o povo de Cabe­delo que não aguenta mais e quer mudança. E o único nome que tem sido veiculado como possível candida­to à Prefeitura de Cabedelo que repre­senta mudança real e concreta para a cidade é o nosso. Os outros tiveram a chance, seja como gestores munici­pais, seja como deputado estadual, e só pioraram a cidade nesta última dé­cada. Só não acabaram com Cabedelo porque o seu povo é trabalhador e gera bastante riqueza e prosperidade para seus filhos. Cabedelo é tão forte e rica como o Brasil, que a despeito de toda a corrupção epidêmica e a gestão desastrosa, continua de pé, de cabeça erguida. Por isso, Cabedelo é pra mudar!
Fonte: Correio da Paraíba/Jornal da Paraíba
Compartilhe este artigo :

Gostou do que leu? Comente. Compartilhe. Divulgue

RENASCER EM NOTÍCIA

Minha foto

AGUINALDO SILVA - Radialista Profissional - 2.913 DRT-PB, 46 anos, servidor publico, natural de Mulungú-PB, radicado em Cabedelo-PB desde 1988, divorciado, pai de um casal de filho, produtor e ativista cultural, socialista por convicção, militante social, cultural e político em Cabedelo,  blogueiro, escreve no site www.cabedelonarede.com.br e no blog www.renasceremnoticia.blogspot.com
Ama os seres humanos e detesta a desigualdade social. "Se voce é capáz de se indignar com o sofrimento de seu semelhante, somos amigos" Frase de Che Guevara que tem como moldura em sua vida.
Atualmente trabalha na Casa da Cidadania de Cabedelo e busca ativar o movimento cultural do Renascer e interligar em rede, o terceiro setor de Cabedelo.
 
Site: Cabedelo Na Rede : Click aqui Copyright © 2011. Renascer em Notícia - Editado por Rhicardho
Proudly powered by Blogger