Moradores do Recanto do Poço interdita a BR em prol da manutenção das lombadas físicas.


Os moradores da Praia do Poço e Recanto do Poço interditaram na tarde desta segunda-feira 12/09, a BR 230 protestando contra a retirada das lombadas físicas daquele trecho. O protesto foi organizado pela associação de moradores local e contou com a presença de lideranças, moradores e transeuntes daquela rodovia. Os manifestantes queimaram pneus e outros objetos para interditar a rodovia, principalmente no sentido Cabedelo-João Pessoa (lado do bairro Recanto do Poço).
Os moradores alegam que a retirada das lombadas físicas dificulta a travessia das crianças moradora do Recanto do Poço que precisam atravessar a BR para estudarem na Escola Municipal Maria José de Miranda Burity que fica do outro lado na praia do poço. “A instalação da lombada eletrônica não impede a ocorrência de acidentes, que já havia diminuído bastante com a adequação das antigas lombadas” disse um morador presente no protesto. Eles afirmam também que os motoristas passam pela lombada eletrônica, mas não respeitam a faixa de pedestre e reivindicam a construção de uma passarela ou a reconstrução da antiga lombada.
A antiga lombada foi colocada no local após um protesto do ex-presidente da associação Sr  Tavares que se acorrentou em um dos postes da BR e lá permaneceu por três dias sem alimentação e em prol das lombadas. A imprensa da capital acompanhou de perto e o DNIT autorizou a construção das lombadas naquele trecho. A indignação dos moradores do recanto do Poço se faz maior quando sabem que em outro trecho dessa mesma rodovia (bairro de Renascer), a lombada física foi mantida.
“A polícia quis prender um morador porque estava acionando fogo em um pneu, mas nada fez contra um cidadão que, irritado com a paralização da rodovia, sacou uma e apontou para os manifestantes. Mesmo com a presença da polícia, saiu do local sem ser incomodado” afirmou Fagner Azevedo. A Polícia Rodoviária Federal esteve no local, controlou o trânsito e tomou a iniciativa de sinalizar o trecho com cones e equipamentos temporários, até que o Dnit acate a reinvindicação dos moradores ou tome novas providências. Uma Comissão foi formada e será recebida pelo Superintendente do DNIT.
Aguinaldo Silva
Compartilhe este artigo :

Gostou do que leu? Comente. Compartilhe. Divulgue

RENASCER EM NOTÍCIA

Minha foto

AGUINALDO SILVA - Radialista Profissional - 2.913 DRT-PB, 46 anos, servidor publico, natural de Mulungú-PB, radicado em Cabedelo-PB desde 1988, divorciado, pai de um casal de filho, produtor e ativista cultural, socialista por convicção, militante social, cultural e político em Cabedelo,  blogueiro, escreve no site www.cabedelonarede.com.br e no blog www.renasceremnoticia.blogspot.com
Ama os seres humanos e detesta a desigualdade social. "Se voce é capáz de se indignar com o sofrimento de seu semelhante, somos amigos" Frase de Che Guevara que tem como moldura em sua vida.
Atualmente trabalha na Casa da Cidadania de Cabedelo e busca ativar o movimento cultural do Renascer e interligar em rede, o terceiro setor de Cabedelo.
 
Site: Cabedelo Na Rede : Click aqui Copyright © 2011. Renascer em Notícia - Editado por Rhicardho
Proudly powered by Blogger