Em NOTA a sociedade cabedelense Welington Costa ipoteca solidariedades aos barraqueiros da orla


    Caros amigos (as) é preciso ser mais que cabedelense para se sensibilizar com a situação dos comerciantes de Formosa, os quais tiveram suas fontes de rendas destruídas; é preciso ter coração e sensibilidade humana para se incomodar com este novo problema social gerado pela incompetência do atual gestor municipal e da Casa Legislativa.
     Acompanho a situação dos comerciantes desde o início. Muitas foram às vezes que nos reunimos com os mesmos e seus parentes juntamente com Defensoria Pública, alguns vereadores, (exceto com o prefeito, que nunca nos recebeu) em busca de soluções.
    Tive acesso a toda a documentação e na mesma está claro que a saída dos comerciantes só se deu porque o atual prefeito confessou diante do Juiz Federal, do MP, IBAMA, Sudema e Gerência do Patrimonio da União, que "não possuía projeto para aquele trecho de orla". Particularmente, já falei isso aos comerciantes, que sou e sempre fui favorável à retirada das barracas, porém, para que seja implantado no local um Projeto Urbanístico e Comercial decente, garantindo a satisfação dos comerciantes, dos cabedelenses, dos turistas e do meio ambiente.
    Cheguei a visitar o Banco do Nordeste, Secretaria de Turismo de Lucena, Secretaria de Turismo de outras cidades (por telefone/e-mail), que enfrentaram problemas semelhantes e encontraram uma solução para o problema e constatei, que existe solução viável, sem que haja custo completo por parte da Edilidade para solução do problema.
    Infelizmente, e aí culpo não só o prefeito, mas, (mesmo que conserve extremo respeito e confiança) aos parlamentares e boa parte da sociedade organizada, pela atual situação. Diante de tudo isso, resta-nos a pergunta: "Quem irá se responsabilizar pelo pão de cada - dia das famílias prejudicadas? Quem responsabilizar-se-á pelo sustento, fonte de renda e emprego dos comerciantes? A resposta cabe aqueles que foram escolhidos para governar e legislar pela cidade. Com a resposta o prefeito e os vereadores. Que seus filhos e descendentes tomem conhecimento disso e os cobre no futuro, pois, ainda que estes esqueçam, Deus não esquecer-se-á.
Com minha irrestrita solidariedade,

Wellington Costa
Cidadão.
Compartilhe este artigo :

Gostou do que leu? Comente. Compartilhe. Divulgue

RENASCER EM NOTÍCIA

Minha foto

AGUINALDO SILVA - Radialista Profissional - 2.913 DRT-PB, 46 anos, servidor publico, natural de Mulungú-PB, radicado em Cabedelo-PB desde 1988, divorciado, pai de um casal de filho, produtor e ativista cultural, socialista por convicção, militante social, cultural e político em Cabedelo,  blogueiro, escreve no site www.cabedelonarede.com.br e no blog www.renasceremnoticia.blogspot.com
Ama os seres humanos e detesta a desigualdade social. "Se voce é capáz de se indignar com o sofrimento de seu semelhante, somos amigos" Frase de Che Guevara que tem como moldura em sua vida.
Atualmente trabalha na Casa da Cidadania de Cabedelo e busca ativar o movimento cultural do Renascer e interligar em rede, o terceiro setor de Cabedelo.
 
Site: Cabedelo Na Rede : Click aqui Copyright © 2011. Renascer em Notícia - Editado por Rhicardho
Proudly powered by Blogger