Ricardo Coutinho afirma que combate à pobreza é um grande desafio e sua prioridade


O governador Ricardo Coutinho declarou que um dos maiores desafios do Estado é o combate à pobreza extrema e apontou soluções para o problema. Segundo ele, é preciso promover o desenvolvimento local integrado e, com isso, promover a geração de emprego e renda para população carente. A declaração foi feita na manhã desta terça-feira (15), durante a abertura do evento de Formação no âmbito do Sistema Único da Assistência Social (Suas), promovida pela Secretaria de Estado do Desenvolvimento Humano (SEDH), no auditório do Hotel Caiçara, na Capital.
Ricardo Coutinho enumerou projetos cujo objetivo é auxiliar a parcela carente da população, como o Empreender – PB e Cooperar, e garantiu investimentos na agricultura familiar e na microeconomia do Estado. Um exemplo desta iniciativa são os investimentos da ordem de U$ 21 milhões que o Governo do Estado obteve através do Fundo Internacional para o Desenvolvimento Agrícola (FIDA), que deverão ser direcionados para Agricultura Familiar.
De acordo com o governador, apesar do Estado ter a necessidade de dar um salto de desenvolvimento social, a pobreza não pode ser combatida apenas com a transferência de renda. Para ele, é preciso capacitar toda parcela da população carente e promover sua inserção produtiva, investindo em programas que “auxiliem os beneficiados à caminhar com suas próprias pernas”, frisou. “As políticas de assistência social não podem ser políticas de governo, mas de Estado. Uma política de Estado é aquela em que a população se apropria do que foi construído e que existe independente de quem governa. É uma política limpa e apartidária”, declarou o governador.

Política social do Governo Lula - Ricardo fez questão de pontuar os ganhos gerados pelas políticas públicas iniciadas no Governo Lula, que tirou mais de 12 milhões de pessoas da condição de pobreza absoluta entre 1995 e 2008. “O Brasil tem mais de 30 milhões de pessoas nas classes D e E que, graças ao Governo do presidente Lula, foram beneficiadas com o aumento do seu poder de consumo, o que gera, automaticamente, o fortalecimento da economia do país”, ressaltou.
Metas sociais - Para o governador, a meta do Governo do Estado é desenvolver políticas de trabalho, articular e coordenar as ações transversais para a erradicação da pobreza extrema no Estado, desenvolvendo políticas de assistência social, qualificação de mão de obra e segurança alimentar e nutricional. “Na Paraíba, 23% dos jovens com idade acima dos 15 anos não foram adequadamente alfabetizados e de cada mil nascimentos, 32 crianças morrem antes de completar seu primeiro ano de vida. É justamente através das políticas públicas de assistência social, que diminuiremos esses índices”, completou.
Metodologia - Segundo a secretária de Desenvolvimento Humano do Estado, a professora Cida Ramos, a metodologia do desenvolvimento humano e social é através das parcerias do Governo do Estado, com os municípios e a sociedade civil organizada. “Nosso desafio é construir políticas públicas que possibilitem erradicar a pobreza. É um desafio que não compete apenas ao Estado, mas a toda a sociedade. Nós podemos mudar esse quadro, através de uma gestão compartilhada entre Estado, sociedade civil e municípios, todos em prol de uma Paraíba mais justa”, apontou.

Assessoria
Compartilhe este artigo :

Gostou do que leu? Comente. Compartilhe. Divulgue

RENASCER EM NOTÍCIA

Minha foto

AGUINALDO SILVA - Radialista Profissional - 2.913 DRT-PB, 46 anos, servidor publico, natural de Mulungú-PB, radicado em Cabedelo-PB desde 1988, divorciado, pai de um casal de filho, produtor e ativista cultural, socialista por convicção, militante social, cultural e político em Cabedelo,  blogueiro, escreve no site www.cabedelonarede.com.br e no blog www.renasceremnoticia.blogspot.com
Ama os seres humanos e detesta a desigualdade social. "Se voce é capáz de se indignar com o sofrimento de seu semelhante, somos amigos" Frase de Che Guevara que tem como moldura em sua vida.
Atualmente trabalha na Casa da Cidadania de Cabedelo e busca ativar o movimento cultural do Renascer e interligar em rede, o terceiro setor de Cabedelo.
 
Site: Cabedelo Na Rede : Click aqui Copyright © 2011. Renascer em Notícia - Editado por Rhicardho
Proudly powered by Blogger