Luciano Agra diz que desapropriação do aeroblube é irreversível, lamenta a celeuma causada na mídia e diz que poderosos foram contrariados.


O prefeito Luciano Agra (PSB) participou do programa Conexão Arapuan, da TV Arapuan, na noite desta segunda-feira para debater sobre a ação da prefeitura no Aeroclube do Bessa. O prefeito reafirmou a intenção da prefeitura de tirar o empreendimento do local para construção do Parque, bem como a crença de que fez tudo com respaldo legal.
O Prefeito disse não entender tanta celeuma para com essa desapropriação por parte da mídia que não dar as demais a mesma importância. “A cidade já discute a desapropriação daquele espaço a mais de trinta anos e essa celeuma e porque tem gente grande com interesses contrariados” disse o Luciano acrescentando que o aeroclube perdeu seu objetivo e deixou de cumpri sua função natural, hoje atrofia o crescimento estratégio da cidade. “Duvido que o local disponha de alfândega e o que vemos é meia dúzia de pessoas viajando pra lá e pra cá sem serem incomodados por ninguém. A Polícia Federal deveria era ter aproveitado para fazer uma fiscalização nas aeronaves” enfatizou Agra. O prefeito deve saber o que estava falando. Diferente dos cidadãos comuns que precisam ter sua bagagem reviradas nos aeroportos, os dono daquelas aeronaves sobem e dessem transportando o que bem entenderem sem serem incomodados por ninguém. Isso não é exemplo de combate as desigualdades. Um espaço daquele não pode ficar a serviços de meia dúzia de picaretas que zombam do restante da população subindo e descendo seu brinquedinho sem fiscalização alguma. Ponto para o Prefeito.
A pista do aeroclube de João Pessoa, na Paraíba, foi destruída depois que a prefeitura ganhou na Justiça a posse do terreno. A disputa pelo terreno se arrasta há meses. A área, de aproximadamente 350 mil metros quadrados, pertence ao aeroclube, e a prefeitura pretende construir um parque no local. A liminar que dava posse à prefeitura foi concedida depois que foram depositados R$ 5 milhões para a compra do terreno. Para a diretoria do aeroclube o valor é muito baixo, já que o preço de mercado do terreno é de R$ 300 milhões. A peleja não será travada através do dialogo já que, segundo o prefeito, ouve quebra da confiança e a Justiça será o caminho para resolução da pendenga.

Aguinaldo Silva
Compartilhe este artigo :

Gostou do que leu? Comente. Compartilhe. Divulgue

RENASCER EM NOTÍCIA

Minha foto

AGUINALDO SILVA - Radialista Profissional - 2.913 DRT-PB, 46 anos, servidor publico, natural de Mulungú-PB, radicado em Cabedelo-PB desde 1988, divorciado, pai de um casal de filho, produtor e ativista cultural, socialista por convicção, militante social, cultural e político em Cabedelo,  blogueiro, escreve no site www.cabedelonarede.com.br e no blog www.renasceremnoticia.blogspot.com
Ama os seres humanos e detesta a desigualdade social. "Se voce é capáz de se indignar com o sofrimento de seu semelhante, somos amigos" Frase de Che Guevara que tem como moldura em sua vida.
Atualmente trabalha na Casa da Cidadania de Cabedelo e busca ativar o movimento cultural do Renascer e interligar em rede, o terceiro setor de Cabedelo.
 
Site: Cabedelo Na Rede : Click aqui Copyright © 2011. Renascer em Notícia - Editado por Rhicardho
Proudly powered by Blogger