Prefeitura de Santa Rita suspende concurso por recomendação do MP

08/01/2010 13:34
Leia mais
MP baixa recomendação e ameaça suspender concurso de Santa Rita


Da Redação
A Prefeitura de Santa Rita confirmou na tarde desta sexta-feira (8) o adiamento do concurso público que seria realizado no próximo domingo (10) na cidade. O prefeito Marcus Odilon avisou que não tinha tempo hábil para fazer as mudanças recomendadas pelo Ministério Público da Paraíba, através da Promotoria dos Direitos Difusos e Coletivos de Santa Rita, e por isto as provas não mais aconteceriam na data inicialmente previstas.
O MP baixou a recomendação pela manhã, para que a Prefeitura Municipal exigisse da empresa que organiza o concurso público a correção de irregularidades constatadas antes do início das provas.
De acordo com o promotor de Justiça Manoel Henrique Serejo, as irregularidades encontradas contrariavam em alguns casos as regras do próprio edital e prejudicavam os candidatos. Manoel Henique contou que cerca de 100 candidatos não conseguiram sequer ter acesso aos locais de prova.
Uma internauta entrou em contato com o Paraíba1, inclusive, por meio do canal Fale Conosco, para fazer críticas à empresa organizadora e dizer que os endereços dos locais de prova estavam errados.
"Como sou moradora de Santa Rita há anos, conheço bem os endereços. Mas e pra quem não mora? Um exemplo simples é o endereço do principal colégio da cidade, Eneas Carvalho, que eles informaram ser em Varzea Nova, mas fica no centro da cidade.", reclamou a internauta.
O concurso oferece 935 vagas e tem salários que variam entre R$ 400 e R$ 1.047. Serão convocados de imediato 387 candidatos, mas será formado um cadastro de reserva com 774 vagas para convocação posterior. A chamada da classificação final corresponderá a um quantitativo referente a três vezes o numero de vagas ofertadas para cada cargo.
Leia a nota enviada pela Prefeitura de Santa Rita:
Cumprindo recomendação do Ministério Público da comarca de Santa Rita, a prefeitura Municipal da cidade suspendeu cauterlamente a realização das provas do concurso público para provimento de vagas na secretaria de educação, marcadas para este final de semana.
Dentre as irregularidades detectadas pelo Ministério Público, estão a falta de alguns cargos para consulta no site da empresa organizadora do certame e inexistência da comissão especial do concurso, que segundo edital n° 002/2009 deveria estar de plantão no ginásio Renatão para dirimir dúvidas, receber oficios e recursos dos candidatos.
No oficio em resposta ao Ministério Público, a Secretaria de Educação suspendeu a realização das provas e pediu ao promotor da comarca de Santa Rita, Manoel Henrique Cerejo, que convoque o responsável pelo concurso para assinar Termo de Ajuste de Conduta, corrigir os problemas identificados e marcar nova data para realização das provas.
Compartilhe este artigo :

Gostou do que leu? Comente. Compartilhe. Divulgue

RENASCER EM NOTÍCIA

Minha foto

AGUINALDO SILVA - Radialista Profissional - 2.913 DRT-PB, 46 anos, servidor publico, natural de Mulungú-PB, radicado em Cabedelo-PB desde 1988, divorciado, pai de um casal de filho, produtor e ativista cultural, socialista por convicção, militante social, cultural e político em Cabedelo,  blogueiro, escreve no site www.cabedelonarede.com.br e no blog www.renasceremnoticia.blogspot.com
Ama os seres humanos e detesta a desigualdade social. "Se voce é capáz de se indignar com o sofrimento de seu semelhante, somos amigos" Frase de Che Guevara que tem como moldura em sua vida.
Atualmente trabalha na Casa da Cidadania de Cabedelo e busca ativar o movimento cultural do Renascer e interligar em rede, o terceiro setor de Cabedelo.
 
Site: Cabedelo Na Rede : Click aqui Copyright © 2011. Renascer em Notícia - Editado por Rhicardho
Proudly powered by Blogger