Lixo estrangeiro ameaça tartarugas na Paraíba

Tartaruga Cabeçuda.
O lixo estrangeiro ameaça tartarugas na Paraíba. Voluntários recolhem condicionador de cabelos do Congo, água mineral chinesa e outros objetos na areia das praias.
Nadando lentamente litoral afora, as tartarugas chegam a viver até cem anos. Mas a longevidade está sendo ameaçada pela ação humana. A cada ano, no litoral da Paraíba, mais de cem tartarugas de várias espécies morrem após ingerir lixo jogado no mar.
“Há uma grande quantidade de plástico nos próprios bancos de algas, onde elas se alimentam. As tartarugas não têm condição de separar uma coisa da outra”, disse o biólogo Douglas Zeppelini.
As que sobrevivem recebem tratamento em um projeto que reúne biólogos e estudantes voluntários. Muitas chegam tão debilitadas que não conseguem se alimentar e morrem. Um monte de plástico foi retirado de uma tartaruga morta.
Todas as manhãs, o grupo que cuida dos animais percorre a praia para recolher o lixo. Durante o trabalho, um detalhe chamou a atenção. A maior parte do lixo não é produzida na praia, pelos banhistas. Chega pelo mar, de outros estados do Brasil, e até mesmo de outros países. Há, por exemplo, uma embalagem de sal, produzida na Rússia.
Tem mais lixo estrangeiro nas águas da Paraíba: condicionador de cabelos do Congo, água mineral chinesa, produto de limpeza americano, vidro, bota usada em plataformas. Até lâmpada de farol.
G1
Compartilhe este artigo :

Gostou do que leu? Comente. Compartilhe. Divulgue

RENASCER EM NOTÍCIA

Minha foto

AGUINALDO SILVA - Radialista Profissional - 2.913 DRT-PB, 46 anos, servidor publico, natural de Mulungú-PB, radicado em Cabedelo-PB desde 1988, divorciado, pai de um casal de filho, produtor e ativista cultural, socialista por convicção, militante social, cultural e político em Cabedelo,  blogueiro, escreve no site www.cabedelonarede.com.br e no blog www.renasceremnoticia.blogspot.com
Ama os seres humanos e detesta a desigualdade social. "Se voce é capáz de se indignar com o sofrimento de seu semelhante, somos amigos" Frase de Che Guevara que tem como moldura em sua vida.
Atualmente trabalha na Casa da Cidadania de Cabedelo e busca ativar o movimento cultural do Renascer e interligar em rede, o terceiro setor de Cabedelo.
 
Site: Cabedelo Na Rede : Click aqui Copyright © 2011. Renascer em Notícia - Editado por Rhicardho
Proudly powered by Blogger