DESTAQUE:
print this page
Última Postagem:

Lucas propõe construção de policlínica e mercado público no Renascer


Objetivando promover melhorias no atendimento à saúde dos moradores do Renascer e áreas circunvizinhas, o Vereador Lucas Santino apresentou um requerimento, aprovado na Sessão de ontem (08), solicitando à Secretaria de Saúde a construção ou instalação de uma policlínica no bairro. “É uma área que carece de uma assistência médica adequada”, constata o Vereador.

Com a mesma finalidade de elevar a qualidade de vida dos moradores do Renascer, em outro requerimento, também aprovado na Sessão de ontem, Lucas solicitou à Prefeitura Municipal que estude a possibilidade de construir um mercado público nesse referido bairro. “Tanto será importante para os feirantes, que terão melhores condições de trabalho, quanto para a população, inclusive das áreas circunvizinhas, que fazem suas compras na feira livre daquela localidade”, explicou o autor do requerimento.

Fonte: Assessoria de Imprensa da Câmara Municipal de Cabedelo

PREFEITURA DESPEJA CONSELHO TUTELAR DO SETOR I





Os Conselheiros Tutelares do Setor I foram surpreendidos nesta quinta-feira (24), em pleno atendimento. Uma equipe enviada pela prefeitura chegou com um caminhão e informou que a ordem do prefeito era retirar tudo e transferir para outro local. Mesmo sem a autorização dos Conselheiros e por mais que fosse explicado que a mudança seria arbitrária, não houve acordo com a prefeitura, que no momento era representada pelo Assessor de Comunicação Ramalho Pinto e pelo presidente do Conselho Municipal de Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA), Leonardo Januário.
O Presidente do Conselho, Wellington Costa informou que “no início do mês de

setembro, durante uma visita ao novo prédio que abrigaria o Conselho, juntamente com o assessor Ramalho Pinto, ficou acordado que a mudança ocorreria depois que fossem feitas algumas reformas estruturais e que a população fosse avisada de que o Conselho iria funcionar em outro local, mas, mesmo assim, sem receber nenhum aviso prévio, a Prefeitura despejou todos os Conselheiros sem nem sequer comunicar a população”, desabafou Wellington Costa.
Costa informou ainda, que na tentativa de intimidar os Conselheiros, o prefeito enviou o Coronel Vieira, Secretário de Ordem Social, que, segundo ele, demonstrou capacidade para assumir a pasta que exerce, reconhecendo, inclusive, a boa intenção dos Conselheiros.
“Foi um gesto de brutalidade, falta de respeito e ignorância política a forma como os Conselheiros foram expulsos do seu local de trabalho. O prefeito não respeitou sequer os cidadãos que precisam do Conselho Tutelar, que irão até onde estávamos, vão encontrar o prédio fechado e vão ficar sem entender o que aconteceu”, disse Wellington Costa. “Queremos aproveitar este espaço para esclarecer ao cidadão que tem processos no Conselho Tutelar, que o andamento dos processos deverá atrasar devido a essa ação truculenta da prefeitura”, disse Costa. “Queremos pedir desculpas á população e dizer que se o Conselho Tutelar tivesse sido avisado com antecedência, teria comunicado à população da mudança de endereço, já que os cidadãos pagam seus impostos e merecem respeito, coisa que o prefeito não teve”, desabafou o Presidente do Conselho.
De acordo Wellington Costa, um fato grave é que todos os processos dos Conselheiros, da Assistente Social e da Psicóloga, que devem ser mantidos em sigilo, foram tratados como se fosse lixo e acomodados por baixo de cadeiras, móveis, vassouras e baldes de banheiro (vide foto). Atualmente, o Conselho Tutelar funciona com três salas, uma para atendimento dos Conselheiros, outra para atendimento psicológico e de Assistência Social e uma terceira para atendimento de Conselheiros e em casos especiais, para acomodar crianças. No novo imóvel, há apenas duas salas, sendo que a cozinha terá que ser improvisada para atendimento psicológico. A casa não dispõe de ar condicionado, terminais para telefone, computador e internet. Para completar, o local da nova sede é considerado “esquisito”. Atualmente, o Conselho Tutelar ainda dispõe de um veículo apenas durante dez dias por mês, sendo dividido para outras secretarias e sem a presença de um Guarda municipal na sede.
Costa informou ainda que, em ofício enviado ao Conselho Tutelar, o presidente do CMDCA, Leonardo Januário informou que todas as reivindicações do Conselho Tutelar serão atendidas, porém, de acordo com Costa, a promessa é duvidosa, já que desde que a nova gestão assumiu a cerca de 25 dias, nenhuma solicitação de melhoria foi atendida. “Que autoridade o presidente do CMDCA tem para prometer atender todas as nossas reivindicações? Se o prefeito que deveria honrar suas promessas de campanha não honra suas palavras, porque devemos acreditar que agora o fará?”, disse. Para o Presidente do Conselho, “o prefeito deveria equipar o imóvel com toda infra-estrutura para só depois fazer a mudança”.
O caso foi parar no Ministério Público e está sob a apuração da Promotora da Vara da InfÂncia e Juventude, Dra. Gláucia Maria da C. Xavier, com quem três, dos cinco Conselheiros estiveram reunidos na tarde desta quinta-feira. Ficou acordado, a pedido dos conselheiros, que na manhã desta sexta-feira (24), a Promotora juntamente com o Assessor do Prefeito, Ramalho Pinto e os Conselheiros, devem visitar o novo imóvel e firmar um termo de Ajuste de Conduta entre o Conselho e a Prefeitura informando datas e prazos para que todas as reivindicações dos Conselheiros sejam cumpridas pelo executivo.
Da Redação com informações de Wellington Costa

CARDÁPIO CULTURAL: O que acontece nas artes e cultura de Cabedelo.


A Sub-secretária de cultura de Cabedelo Marieta Rezende, esteve visitando o Distrito Renascer neste final de semana e, como guerreira cultural que é, aproveitou para repassar aos ativistas culturais do distrito e ao RENASCER EM NOTÍCIA, as ações culturais que vem sendo desenvolvidas pela sub-secretaria de cultura municipal. Marieta aproveitou para reclamar da falta de divulgação do que acontece, artisticamente, na cidade. “Nós, gestores, morremos de trabalhar e a sociedade nem se apercebe do que está sendo feito” disse.
Na oportunidade a sub-secretária nos repassou o que está sendo disponibilizado na sub-secretaria para o desenvolvimento das artes e da cultura local e que estão a disposição de todos os Cabedelenses.

XVIII - Festival do Teatro Estudantil
de 15 a 28 de setembro manhã/tarde e noite, inscrições gratuitas.

Balaio Circense
Dias 14/15/16 de setembro local Espaço Cultural.
Forum Paraibano de Circo local:Espaço Cultural.

Forum Paribano de Circo, local: casarão de Azulejo 34 praça D. Adauto
Oficina Gestão para autonomia e Produção Cultural 28/29 e 30 de setembro local: Espaço Cultural, 18hrs a 22hrs.

Oficinas de Artes Cenicas horário 13;00 as 18:00 -trupearlequin@gmail.com

Cabedelo vídeo conferencia, conteúdo I Conferencia de Cultura de Cabedelo, dia 17 as 15hrs na sala do BNB João Pessoa.

Tendas Culturais
Todas as quartas, início as 19horas no Teatro Santa Catarina, apresentações de grupos folclóricos da cidade.

Oficinas de violão e flauta doce com o professor Marcelo.
Local Teatro Santa Catarina.
Dias: Quartas, Segunda o dia todo.

Oficinas de teatro
Local: Teatro Santa Catarina
De segunda a quinta manhã e tarde.

Oficina de artes visuais
local Teatro Santa Catarina

Morre mãe Nazinha - Ex prostituta que abriu sua casa e dedicou sua vida no acolhimento dos pobres de Cabedelo.



Morre aos 79 anos, Cosma Francisca de França, Mãe Nazinha. “Morreu a mãe dos pobres de Cabedelo”, era o que se ouvia por toda Cabedelo no final da tarde desta sexta-feira. Aqueles que não tinham para onde ir, se dirigiam para a Casa de Mãe Nazinha e lá eram recebidos sem que nenhum questionamento fosse feito pela “Secretária de Bem-estar e Ação Social ” nomeada não por prefeito, mas por suas próprias obras e méritos.
Lá não chega a ser uma rua. É apenas uma travessa. Não chega a ser uma casa. É um casebre. Lá falta o que sobra em nossas casas: comida, roupa, conforto. É, conforto. Aquele cheirinho gostoso que tem a nossa casa, nosso quarto, nossa cama, nosso travesseiro fofinho. Lá o cheiro que domina o ambiente é o do abandono. Está impregnado por todo o lado, do piso ao teto.
É aquele cheiro forte, que nossos narizes muito sensíveis não estão acostumados. Lá não se fala em regime. É, regime, dieta, valor calórico, comer pouco, como perder sete quilos em uma semana. Essa conversa tão comum no nosso dia-a-dia, lá não existe. Talvez nem saibam o que isso significa. Agora, fale em fome, pobreza e necessidade… Ah sim, disso eles entendem.
Isso que a gente vê, vez por outra vê na TV ou do outro lado dos nossos vidros fechados, com película de transparência de 70%, portas travadas e ar-condicionado ligado. Se possível disfarçando, mexendo no toca CD ou mudando a estação do rádio. Melhor não ver. Melhor disfarçar. Melhor ignorar a pobreza que está com a mão estendida do outro lado. Afinal é tanta gente pedindo…
Indo direto ao assunto, Lá é a casa de mãe Nazinha (foto). É uma ex-prostituta que decidiu fazer da casa dela um abrigo permanente. Uma casa que abriga quem quiser, quem vier…
E ela realmente quer quem ninguém quer. É deficiente mental? É deficiente físico? É prostituta? É menor abandonado? Ninguém quer? Mãe Nazinha quer. Bendita seja ela entre a pobreza, os desvalidos, os excluídos, os esquecidos, os de ninguém.
E veja bem, com toda a sinceridade, as repetições acima não são nenhum exagero. Não ignore. Lá o cheiro é forte mesmo e não é desleixo. Lá falta comida mesmo e não há mesquinharia. Lá tem abandonados mesmo, aqueles que nossa sociedade não quer.
Estivemos lá. Nós, colegas de trabalho levamos umas roupas usadas e alimentos. Pouco, mas levamos. Não pense que eu saí de lá satisfeito, peito lavado, obrigação cumprida, consciência social aliviada. NÃO. Sai triste, envergonhado. Como eu faço pouco!
Não quero falar aqui de que isso é problema do Governo, que já pago muito imposto, que já dou uma ajudazinha no final do mês a fulano ou a beltrano. NÃO. Falo de urgência, falo de algo que está acontecendo agora, falo da realidade. De pessoas amontoadas, jogadas. Falo e mais uma vez alerto: aqui não vai nenhum exagero. Falo de uma coisa difícil de dizer, mas que é a pura verdade. Falo de lixo humano.
Confesso que não sei o que fazer, mas busquei aqui, com toda a sinceridade, usar talvez o único talento que Deus me deu, o de escrever. De mostrar que somos privilegiados e ainda reclamamos. De mostrar que, com todo o respeito, ainda fazemos muito pouco.
Sabe, sendo repetitivo, digo que não chega a ser uma rua. É apenas uma travessa. Não chega a ser uma casa. É um casebre. Mas lá está um coração maior do que toda a riqueza do mundo. Lá está Cosma Francisca de França, Mãe Nazinha, 79 anos ex-prostitua. Usa toda a renda que tem, dois salários mínimos, simplesmente para acudir os outros.
Lá fica na Travessa Ismael Farias, número 75, Cabedelo. Não chega a ser uma rua, não chega a ser uma casa, mas salva vidas. Atualmente são 46. Amanhã pode mudar, afinal há sempre alguém que ninguém quer. Ninguém, não. Mãe Nazinha quer.
Do Soltando O Verbo com matéria de José Vieira

PEC dos Vereadores foi aprovada em 1º turno ontem na Câmara Federal.


Com o voto favorável de 370 deputados e 32 contra, a Câmara dos Deputados aprovou na sessão desta quarta-feira (9) a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 336/09 que aumenta em mais de 7 mil o número de vagas para vereadores em todo o país.
A aprovação da matéria, no entanto, não deve ter efeito retroativo às eleições de 2008. A PEC não determina que os suplentes ocupem as novas cadeiras, apenas estipula um novo limite de vagas nas câmaras municipais.
O país tem atualmente 51.748 vagas de vereadores. Pelo critério da proposta, que distribui as vagas conforme o número de habitantes de cada município, a PEC deve criar mais 7.709 vagas, se considerado os dados populacionais do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) de 2009. O texto original da PEC fala em 8.043 vagas, sem observar os dados do IBGE.
A PEC foi aprovada em primeiro turno e ainda deve passar por uma segunda votação no plenário da Câmara, só depois segue para a sanção presidencial. Durante uma hora e meia, parlamentares contrários e favoráveis à matéria ocuparam a tribuna da Câmara para debater o texto. O deputado Antônio Carlos Biscaia (PT-RJ) condenou a proposta que amplia as vagas de vereadores por iludir os suplentes. “Do jeito que está essa PEC modificaria o resultado da eleição, o que é completamente inconstitucional. Não vamos iludir esses suplentes (vaias). Eles não serão diplomados pela Justiça Eleitoral. Isso é uma ilusão”, afirmou, sob vaias, Biscaia do PT do Rio de Janeiro.
Já o deputado Fernando Coruja (PPS-SC) defendeu a proposta afirmando que a matéria só deve produzir efeito nas próximas eleições municipais, que devem ocorrer em 2012. “Nenhuma câmara municipal será obrigada a ampliar o número de vagas. A eleição ocorreu sobre um determinado número de cadeiras, nem a Justiça Eleitoral vai permitir que isso seja modificado”, argumento Coruja.
O texto aprovado ontem mantém as 24 faixas de números de vereadores aprovadas pela Câmara no ano passado, mas muda a fórmula de cálculo das despesas. O substitutivo do deputado Arnaldo Faria de Sá (PTB-SP), aprovado em comissão especial, não faz mudanças de mérito nas duas PECs, pois apenas reúne os dois textos em um só. O Senado enviou duas propostas porque, inicialmente, havia aprovado apenas o aumento de vereadores, desmembrando o texto da Câmara.
O fato é que a PEC dos Vereadores foi aprovada no ano passado na Câmara e no Senado. Depois de sofrer modificações, o texto teve de retornar à Câmara. Durante a análise dos senadores foi retirado um artigo que determinava a redução do repasse de recursos das prefeituras para os legislativos municipais. Como uma parte da PEC foi aprovada sem modificações, ela poderia ser promulgada parcialmente. O então presidente da Câmara, Arlindo Chinaglia (PT-SP), no entanto, se recusou a assinar a promulgação por entender que os artigos estavam ligados e não poderiam ter sido desmembrados. Ele teve o respaldo da Mesa Diretora. A decisão foi mantida pelo novo presidente, Michel Temer (PMDB-SP).

IMÁGENS DO DESFILE CÍVICO DO RENASCER. Foto: Danaiel Mendes




















Cabedelo terá mais três vereadores caso a PEC seja aprovada hoje na Câmara Federal.


Betinho (PDT), Benone (PRB) e Zé Mário (PT) devem assumir vaga na Câmara de Cabedelo caso a chamada PEC dos vereadores seja aprovada nesta quarta (08/09). A Proposta de Emenda Constitucional que aumenta o número de vereadores no Brasil deverá ser apreciada e possivelmente aprovada plenário da Câmara dos Deputados nesta quarta-feira (08). Com a votação no plenário do Legislativo chega ao fim uma novela que vem sendo arrastada há algum tempo para alegria de alguns suplentes e desespero dos mais esclarecidos, chegando assim em sua última fase da PEC, que já foi aprovada pela Comissão Especial da Câmara dos Deputados. Para refrescar a memória, a proposta reduz os gastos com os legislativos municipais e inclui o aumento do número de vereadores. O projeto será votado em dois turnos.
Se na pior das hipóteses for aprovada, a PEC dos Vereadores acrescentará, em Cabedelo mais três vereadores, passando de dez, para treze vereadores na Câmara. A maior dúvida entre os juristas, é saber se a proposta será válida ainda para essa legislatura ou entrará em vigor apenas na eleição de 2012.
De acordo com a PEC, pelo menos 167 suplentes deverão assumir uma vaga na Câmara no Estado. Se a PEC for aprovada nesta quarta-feira, os seguintes suplentes deverão assumir em Cabedelo: Betinho (PDT), Benone (PRB) e Zé Mário (PT). De acordo com matéria divulgada no Jornal Correio da Paraíba deste domingo, o prefeito Zé Régis teria hoje seis vereadores em sua bancada, os quais são: Fabinho (PDT), Leto (PDT), Jona Pequeno (PDT), Beninha (PSL), Josué Góes (PDT) e Tércio Dornelas (PSL). A oposição, nesta ótica, seria formada por: Wellington Brito (PSDC), Ricardo Félix (PT), Lucas Santino (PRB) e Luizinho do Depósito (PRB).
Para o vereador Wellington Brito (PSDC), o prefeito Zé Régis poderá aumentar sua bancada em apenas um vereador, passando de 6 para 7, que pode ser Betinho. Em sua opinião, segundo entrevista dada por ele ao Jornal Correio da Paraíba, Benone e Zé Mário fortalecerão a bancada de oposição, que passará de 4 para 6 parlamentares.
Para algumas pessoas consultadas aleatoriamente pelo Portal Soltando o Verbo nas ruas de Cabedelo, “a Câmara atualmente não tem oposição, para eles, Zé Régis teria atualmente os dez parlamentares em sua bancada. A justificativa para isso seria, segundo os entrevistados, o descaso que a administração tem demonstrado pela cidade e a Câmara (responsável pela fiscalização do executivo), Não mexe uma palha se quer, fecha os olhos e vive num jogo de faz de contas achando que o povo é imbecil”, desabafou Flaviana Monteiro, moradora da Rua Siqueira Campos.

CONHEÇA OS CINCO MEMBROS DO CONSELHO TUTELAR DO SETOR II


CÁSSIA

GALAN

LUCIANO

TELMA DORNELAS

MONIQUE

CONSELHO TUTELAR: Welington Costa é o Presidente do Setor I e Galan é Presidente do Setor II - Imagens da posse


Posse de Welington Costa - Presidente do Setor I

Posse de Galan - Presidente do Setor II

Foto Oficial dos Conselheiros e Suplentes

Familiares de Galan prestigiando a posse

EXCLUSIVO: Veja a produção legislativa do Vereador Beninha em 2009.


De acordo com o Sistema de Acompanhamento do Processo Legislativo – SAPL da Câmara Municipal de Cabedelo, publicado no Site oficial da instituição, até o presente momento, o Vereador Beninha apresentou penas 17 proposituras naquela casa em 2009. Sendo 16 Requerimentos e 01 Projeto de Lei Ordinária. Dos 16 Requerimentos, 10 continham reivindicações para o Distrito Renascer, 01 reivindicava a Iluminação publica da Salina Ribamar, outro pedia policiamento para o Forrock e casa de show no Jacaré, um outro aplaude a Paixão de Cristo do GETAAB realizada na Fortaleza Santa Catarina este ano, mais dois solicitam infra-estrutura para o centro da cidade e, um último de nº 062, estava registrado em suas proposituras mais era do Vereador Jonas Pequeno. O Projeto de Lei apresentado pelo vereador denomina de Rua João Alencar de Assunção, a Avenida 09 do Parque Esperança.

Os dez requerimentos do vereador Beninha destinados ao Renascer, solicitam os seguintes serviços:
• Recuperação de calçamento nas ruas do Renascer II
• Guarda Municipal para a Escola Elizabethe
• Estudo para retiradas dos esgotos das ruas dos Renascer II e III
• Lâmpadas para reposição no Renascer II
• Poda de arvores no Renascer
• Reabertura do Posto Policial do Renascer II
• Apelo ao governo para construção da Quadra do Abreu e Lima
• Construção de calçadas para pedestres na Av Raul Seixas
• Retorno dos serviços de reforma da Quadra do Renascer II
• Construção de duas Praças de Táxi no Renascer II e III.

O RENASCER EM NOTÍCIA, recebeu a informação de que um vereador em Cabedelo recebe mensalmente, R$ 4.953,60. Tem uma estrutura de quatro assessores que percebem mensalmente, R$ 15.900,00. Segundo um servidor do legislativo (que não quer ser identificado) cada parlamentar ainda indica mais dois assessores na estrutura da Casa. Um para o Grupo de Assessoramento Superior – Símbolo PL-DAS-1 que recebe mensalmente, R$ 4.900,00 e outro no Grupo de Apoio Legislativo – Símbolo PL-AL-2 que recebe mensalmente, R$ 3.300,00.
As informações podem ser constatadas no Anexo I da Lei 1.427 de 15/12/2008, que dispõe sobre a estrutura administrativa de pessoal da Câmara Municipal de Cabedelo e que foi publicada no Diário Oficial do Estado em 18 de dezembro de 2008.

De acordo com as informações, um vereador da cidade portuária recebe mensalmente, entre salário e estrutura de pessoal, a bagatela de R$ 29.053,60 (vinte e nove mil, cinqüenta e três reais e sessenta centavos) que somados ao período trabalhado (de janeiro a agosto) este ano, cada vereador, recebeu como representante do povo cabedelense na Câmara, a importância de R$ 232.428,80 (duzentos e trinta e dois mil quatrocentos e vinte e oito reais e oitenta centavos). Em dezembro, o municipio terá pago a cada vereador, a importancia de R$ 348.643,20 (tresentos e quarenta e oito mil,seissentos e quarenta e três reais e vinte centavos) que dará para construir trinta e quatro casas a dez mil reais.

O RENASCER EM NOTÍCIA reforça a importância do parlamento no regime democrático e não defende sua extinção. Mas, não pode calar diante de produções parlamentares tão aquém das necessidades de nossa gente. E de representantes tão despreparados ganhando cifras tão generosas dos cofres públicos. Mesmo sendo eles, eleitos soberanamente, pela decisão popular.

Tomam posse os novos Conselheiros Tutelares de Cabedelo e Zé Régis não compareceu à solenidade.


A solenidade de posse dos novos Conselheiros Tutelares dos Setores I e II em Cabedelo, ocorreu na noite desta segunda-feira (31), no Teatro Santa Catarina. O evento foi aberto com apresentações culturais que abrilhantaram a solenidade. O site oficial da Prefeitura de Cabedelo destacou o evento, porém, foi percebida a ausência do prefeito José Régis, da promotora Jovana Pordeus, do Promotor Valério Bronzeado, dentre outras autoridades. O presidente do Conselho Municipal de Direitos da Criança e do Adolescente, Leonardo Januário, ainda chegou a justificar a ausência da Promotora Jovana Pordeus, mas, o não comparecimento do prefeito e da Secretária de Ação Social, José e Eneida Régis, não foram justificadas e não pegou bem, já que era imprescindível a presença de ambos. No lugar do prefeito, foi apresentado o Sr. Ironildo Oliveira, como Assessor Especial da Prefeitura, mas o prefeito que é bom, nada.
O não comparecimento do prefeito na solenidade, deu impressão que o chefe do executivo tem evitado eventos públicos, temendo manifestações, já que não vem fazendo uma boa administração na cidade, causando reclamações e atos de revolta entre alguns seguimentos da sociedade cabedelense. Para piorar, não conseguiu operacionar as eleições do Conselho a seu favor e terá que enfrentar um conselho constituído por alguns desafetos e melhor instruído de seu papel.
Os empossados e diplomados para o Setor I foram: IGO VIANA que recebeu 1.409 votos, WALMARQUES BARBOSA JR com 1.337, NINHA DE JOSIMAR que obteve 987, WELLINGTON COSTA 924 e ROSIBERTO DE CASTRO 858, estes com seus respectivos suplentes para o setor I.
No setor II os empossados foram: CÁSSIA SANTIAGO com 1.018 votos, GALAN com 544, LUCIANO 535, MONIQUE 523 e TELMA DORNELAS com 512 e seus respectivos suplentes do setor.
O executivo municipal ainda terá que amargar mais uma derrota, é que foram eleitos para presidir os conselhos dois de seus maiores desafetos no município, Welington Costa para o Setor I e Galan para o Setor II.
Com a apalavra Excelentíssimo Prefeito José Francisco Régis, pois, apesar da extrema importância do Conselho Tutelar da cidade, os cidadãos cabedelenses merecem algo mais do que ele vem oferecendo como representante da cidade.

Fontes: Soltando O Verbo com Gabinete do Prefeito/SETRAS/CMDCA e Comissão Eleitoral.

Gostou do que leu? Comente. Compartilhe. Divulgue

RENASCER EM NOTÍCIA

Minha foto

AGUINALDO SILVA - Radialista Profissional - 2.913 DRT-PB, 46 anos, servidor publico, natural de Mulungú-PB, radicado em Cabedelo-PB desde 1988, divorciado, pai de um casal de filho, produtor e ativista cultural, socialista por convicção, militante social, cultural e político em Cabedelo,  blogueiro, escreve no site www.cabedelonarede.com.br e no blog www.renasceremnoticia.blogspot.com
Ama os seres humanos e detesta a desigualdade social. "Se voce é capáz de se indignar com o sofrimento de seu semelhante, somos amigos" Frase de Che Guevara que tem como moldura em sua vida.
Atualmente trabalha na Casa da Cidadania de Cabedelo e busca ativar o movimento cultural do Renascer e interligar em rede, o terceiro setor de Cabedelo.
 
Site: Cabedelo Na Rede : Click aqui Copyright © 2011. Renascer em Notícia - Editado por Rhicardho
Proudly powered by Blogger